WTM Latin America apresenta novidades para a feira de 2018


Envie para um amigo:

A WTM Latin America 2018, que acontece em São Paulo, mantém conceitos-chave e amplia relações com o turismo

Por Lucas Kina (repórter)* – 

Na manhã dessa terça-feira (13), a WTM Latin America apresentou as novidades e o panorama de seu evento para o ano de 2018, mostrando objetivos centrais, novos assuntos a serem abordados e a comparação com as feiras dos anos anteriores. A coletiva de imprensa aconteceu no Reed Exhibition Alcântara Machado, próximo a Avenida Paulista.

Estavam presentes a diretora da WTM LA, Luciane Leite; Fernando Fisher, presidente da Reed Exhibition; Thais Del Ben, gerente de Marketing da WTL LA; entre outros profissionais da entidade e parceiros.

Face to face

Equipe da WTM Latin America 2018 (Crédito: Ana Azevedo/DT)

Equipe da WTM Latin America 2018 (Crédito: Ana Azevedo/DT)

Foi frisado durante a reunião, tanto por Luciana quanto por Fernando, o relacionamento com o cliente e sua importância. A tecnologia, segundo os executivos, é grande aliada da WTM no processo constante de ampliação da feira, porém não substituirá o contato “olho no olho” entre expositor e visitante.

“Nossa equipe sempre opta pela qualidade ao invés da quantidade. Portanto, o nosso objetivo é trabalhar com pessoas e priorizar o contato pessoal”, diz Luciane Leite. Ainda segundo ela, o contato pessoal e o aumento na geração de negócios e conteúdo são congruentes e mútuos em seus resultados, caminhando juntos em bons ou maus momentos.

Fernando Fisher também falou sobre o assunto e citou o termo “matchmaking”, correspondente a construção de um bom relacionamento entre expositor e visitante.

Acesso

Segundo Luciane, a WTM quer garantir a presença de pequenas empresas, as quais tratam a feira como um “evento muito caro”.

Relativizando à hotelaria, ela disse que “os hotéis ainda não se sentem seguros (na sua maioria) em participar de uma feira internacional.

Comparações

A empresa divulgou números do evento que ocorreu no ano passado:

  • 30% a mais de imprensa;
  • 600 expositores;
  • US$ 374 milhões em negócios gerados;
  • 50 países presentes;
  • 7.748 visitantes únicos, número correspondente à um aumento de 18% em relação a 2016;
  • 10 mil participantes (total)

Para 2018, a WTM Latin America traz novidades baseadas no mercado corporativo, âmbito não muito explorado nas edições anteriores da feira. Parcerias inéditas, como com a ALAGEV – Associação Latino Americana de Gestores de Viagens e Eventos Corporativas, faz parte de ações em prol desse mercado, que segundo Luciane e Fernando, foi solicitado pelos visitantes.

A Abracorp também faz parte do cartel de parceiros do evento, realizando, no primeiro dia (3 de abril), o Fórum Abracorp, evento que contextualiza igualmente com a ideia de tornar a WTM mais corporativa.

Parcerias

  • Operadoras

São 25 nacionais e 15 internacionais, além da parceira Flytour MMT.

50 países confirmaram presença, com exceção da Venezuela na América do Sul (16 países); México e os EUA, da América do Norte; três países da Ásia; e com vendas que ainda não se encerraram para o pavilhão dos destinos africanos.

Além disso, estandes como de Foz do Iguaçu, Argentina e Turquia obtiveram uma ampliação em área; locais como Costa Rica, Equador e Mato Grosso do Sul investindo em estandes próprios e atribuição de novos destinos, como Ilhabela.

  • Pavilhões

Travel Tech Pavillion
Destination Pavillion
Lounge de hospitalidade

A expectativa é que o número de expositores chegue a 700, segundo nota, mas Luciane visa, antes disso, manter os 600 expositores de 2017.

O Omnibees fica responsável pela produção de conteúdo do evento, realizando uma série de ações durante a feira e priorizando o setor corporativo e inovador, com áreas de palestras voltadas a tecnologia – Inspire Theatre e Travel Tech – com a presença do Google e Facebook.

  • Empresas que darão descontos

Hotel Map
Voos da Avianca
Voos da Latam Airlines

Perspectivas

Fernando Fischer, presidente da Reed Exhibition Alcântara Machado (Crédito: Ana Azevedo/DT)

Fernando Fischer, presidente da Reed Exhibition Alcântara Machado (Crédito: Ana Azevedo/DT)

Questionado pelo DIÁRIO a respeito de esperanças quanto a economia do país em relação a feira em 2018,  Fisher disse que “o turismo brasileiro poderia ser melhor”, tendo em vista a força que vê no trade brasileiro. Quanto vinculação à WTM Latin America, o executivo cita a “servidão ao mercado” como maior objetivo da WTM LA.

Luciane Leite respondeu outra indagação do DIÁRIO que diz respeito ao funcionamento da dependência da WTM com o Poder Público.

“O Estado é tão importante quanto qualquer outra companhia de capital privado. É outro cliente” pontuou.

WTM Latin America 2018

A WTM Latin America 2018 acontece entre os dias 3 e 5 de abril, no Expo Center Norte, Zona Norte de São Paulo, na Rua José Bernardo Pinto, 333 , Vila Gulherme – SP.

Envie para um amigo:

Fonte: Diário do Turismo

Previous CEO da IAG considera preço do A380 inaceitável e esfria negociações
Next Setur e Ministério do Turismo fiscalizam hotéis em Salvador

Suggested Posts

A oferta é válida até o dia 31 de maio A April Brasil Seguro Viagem está lançando uma campanha que oferece 10% de desconto nos produtos Diamante, Ônix, Prime, Europa VIP, Europa Max, Mundial, Multiviagens e Anuais. A promoção visa aumentar o número de vendas do período e dar oportunidade para clientes com viagem programada …

0 16

Um dos destinos mais visitados do Rio de Janeiro, Ilha Grande agora conta com um aplicativo, o Ilha Grande e Angra dos Reis app. Disponível para Android e IOS, a ferramenta funciona como um verdadeiro guia, nos idiomas português, inglês e espanhol, e já conta com mais de 2 mil usuários. Além de apresentar um …

0 28

Envie para um amigo: Flávio Louro, diretor da E-HTL Viagens (Foto: divulgação) Blitz nacional da E-HTL contará com a participação de todos os executivos nacionais Edição do DT com agências A E-HTL Viagens Online estreia hoje (24) a Semana Temática Resorts – que se estende até dia 28 – com redução das tarifas nos principais …

0 7

Comentários